post

Porque a madeira pode se tornar o material do século XXI


De acordo com uma pesquisa divulgada no The Conversation, realizada por cientistas da the Yale School of Forestry & Environmental Studies e da University of Washington’s College of the Environment, a substituição de materiais como concreto e aço, por equivalentes em madeira pode sair mais barato e menos prejudicial ao meio ambiente. Pode parecer um contrassenso, pensando por exemplo na realidade brasileira, devido as leis de desmatamento e o desaparecimento de florestas. Mas se pensarmos em uma madeira certificada, reaproveitada e de acordo com as leis ambientais, pelo menos segundo esses cientistas, o maior uso da madeira nas estruturas seria benéfico e promissor.
A troca de aço, concreto ou tijolo para madeira e equivalentes de madeira especialmente projetados reduziria drasticamente as emissões de dióxido de carbono, consumo de combustíveis fósseis e representaria um recurso renovável. Além do mais, gerida de forma adequada isso pode ser feito sem perda de capacidade de armazenamento de carbono ou biodiversidade. Emissões de cerca de 14-31% do CO2 global deve ser evitada através da criação de menos aço e concreto, e pelo armazenamento de CO2 na estrutura celular de produtos de madeira. Além disso uma porcentagem de cerca de 12-19% do consumo anual de combustível fóssil mundial seriam salvos, uma vez que construir com madeira consome menos energia. Os dados mais completos podem ser vistos no link da pesquisa completa (em Inglês) aqui.
Os pesquisadores também defendem o uso de técnicas de colheita e de produção mais eficientes. Isso evitaria que ainda mais CO2, materiais e energia fossem desperdiçados, diferente do que acontece no desmatamento ilimitado para agricultura, limpar árvores para a colheita e uso é temporário, mas a conversão de florestas em áreas agrícolas é uma perda permanente de todos os recursos da floresta e da biodiversidade. Para eles isso é mais um motivo para apreciar as florestas, e para protegê-los de desmatamento sem fim.
O Aço Verde
Ainda relacionado a esse tema podemos citar o Bambu, também conhecido como aço verde, o bambu tem enorme relevância estrutural devido as suas qualidades mecânicas, o que já foi citado há dois anos atrás em uma outra matéria nossa. E desde então os projetos só evoluiram e as estruturas a cada ano que passam estão cada vez mais impressionantes. O Domo abaixo é um trabalho do escritório vietnamita Vo Trong Nghia Architects para conferências, festas e restaurantes, e consiste em uma estrutura completa em bambu sobre uma fundação de concreto. Em entrevista para a Dezeen Magazine, Nghia representando seu escritório, revela que ele acredita que o Bambu será o material do século XXI. A entrevista completa você encontra neste link (em Inglês)

 

O Aço Verde

Domo construído na Diamond Island, na cidade de Ho Chi Minh

O Aço Verde

Detalhes da estrutura de cerca de 24 metros de altura

O Aço Verde

Foram construídos oito domos no total

 

Gostou? Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *